quinta-feira, 12 de abril de 2018

E-commerce deve faturar R$ 69 bi em 2018, segundo dados


De acordo com a Associação Brasileira de Comercio Eletrônico, as vendas online devem aumentar 15% em comparação ao ano de 2017 e lucrar R$ 69 bilhões, no decorrer do ano. As lojas virtuais devem atender a 220 milhões de pedidos por meio do tíquete médio de R$ 310,00.

O ano de 2018 traz perspectivas favoráveis ao comércio eletrônico e aos empreendedores que já estão na ativa. Para aqueles que pensam em abrir uma loja virtual, o ideal é estarem atentos às novidades.

De acordo com a Associação Brasileira de Comercio Eletrônico, as vendas online devem aumentar 15% em comparação ao ano de 2017 e lucrar R$ 69 bilhões, no decorrer do ano. As lojas virtuais devem atender a 220 milhões de pedidos por meio do tíquete médio de R$ 310,00.

Em 2017, o aumento foi de 12% comparando com o ano de 2016, em que teve crescimento de R$ 59,9 bilhões. O ano finalizou com um saldo de 203 milhões de pedidos e um tíquete médio de R$ 294.

Outro aspecto positivo com a retomada da crise econômica será o aumento das vendas do comércio eletrônico. Segundo os dados, com o crescimento da economia, as pessoas estarão à procura de comodidade e, atualmente, elas têm condições financeiras para garantir suas compras online.

terça-feira, 10 de abril de 2018

Kodak anuncia John O’Grady como novo Presidente da Divisão de Sistemas de Impressão

John O’Grady será o novo presidente da  Divisão de Sistemas de Impressão da Kodak 


O’Grady assumirá a nova função a partir do dia 24 de abril.  Anteriormente,  ocupava o cargo de Presidente da Divisão de Consumo e Filme e a gerência geral da Divisão de Sistemas de Impressão.

O’Grady substitui Brad Kruchten, que está se aposentando após 36 anos trabalhando na Kodak. “Brad foi uma parte importante de nossa empresa por muitos anos, e, agradeço a ele pelo tremendo comprometimento  e suas notáveis realizações”, disse Jeff Clarke, CEO da Kodak. “John O’Grady está muito bem posicionado para comandar a Divisão de Sistemas de Impressão. Sua experiência na indústria é incomparável”, completa o CEO.

“É muito difícil substituir um líder como Brad Kruchten, mas ele criou uma equipe de estrelas e procurarei trabalhar com eles para continuarmos a fornecer soluções de impressão de primeira linha. Com novos produtos em nosso portfólio,  como  as chapas Sonora X e a impressora eletrofotográfica NEXFINITY, estamos prontos para prosperar em todo o mundo”, comenta O’Grady.  

terça-feira, 3 de abril de 2018

Henkel promove webinars sobre teste de migração em embalagens flexíveis


A Henkel realizará no dia 10 de abril, às 11 horas, o webinar “Teste de Migração em Embalagens Flexíveis”. Ministrado por Guilherme Fernandes, responsável por Pesquisa e Desenvolvimento para a área de Adesivos Industriais da Henkel, o seminário online será gratuito e terá duração de uma hora.

Neste webinar interativo, Fernandes abordará testes de migração em laminação de filme e alumínio. Ele explicará os requerimentos legais dos testes de migração e falará sobre as considerações específicas para os adesivos de poliuretano reativo. Além disso, apresentará quais são as falhas mais comuns em testes de migração e mostrará as melhores práticas para evitar esses erros.

Ao longo de 2018, a Henkel programa a realização de mais sete webinars em português dedicados a discutir Food Safe Packaging.  

Os interessados em participar podem se inscrever no link: www.packaging.henkel-adhesives.com/webinars



Grupo Furnax comemora bons resultados na ExpoPrint 2018



A Furnax alcançou resultados positivos na ExpoPrint Latin America 2018, de acordo com Caio Nakagawa, gerente geral do Grupo, o evento superou as expectativas da empresa, “Durante os cinco dias de feira, recebemos clientes interessados em conhecer nossa linha de equipamentos e dispostos a realizar grandes investimentos. Vendemos todos os equipamentos expostos, além de outros disponíveis em nosso estoque. Abrimos também novos projetos que serão trabalhados nos próximos meses”, disse Nakagawa.

Com o maior stand do evento, a Furnax expôs equipamentos para impressão offset, linha de acabamento e uma máquina para produção de sacola de papel. “Acreditamos que a feira foi a importante retomada que a indústria precisava, com os resultados obtidos, pudemos sentir o otimismo e confiança dos empresários neste cenário econômico em recuperação. Para a Furnax, esse foi o momento ideal para consolidar nosso papel na indústria gráfica brasileira, oferecendo atualmente o mais amplo e completo portfólio do mercado”, fala Nakagawa.


Um dos destaques da empresa foi a impressora offset Komori GL37 que produz em formato A1 e oferece 640 x 940 mm, rodando até 16 páginas A4 por folha com barra de cor. Um de seus diferenciais é a pilha alta com 1,10m de altura graças ao cilindro duplo de grande diâmetro (250mm), além disso, a Lithrone G37 atende às exigências dos segmentos editorial, promocional, embalagens e web-to-print.

A Furnax apresentou também a Corte e Vinco Automática SBL 820 com aplicação de holograma. O equipamento é capaz de cortar, vincar, destacar e fazer relevo em diversos tipos de materiais sem modificações ou acessórios adicionais. Além da Laminadora de BOPP Automática que conta com um novo sistema de pré-aquecimento por indução, permitindo que o equipamento esteja pronto para rodar os trabalhos em apenas 90 segundos, diminuindo não só o tempo de setup como o consumo de energia.

Outro destaque foi o equipamento automático para produção de Sacolas de Papel que executa todo o processo de acabamento da sacola impressa em folha, aplicando alça, fechando a sanfona, dobrando e colando o fundo automaticamente, além disso, ela realiza vincos longitudinais e transversais, deixando o produto pronto para o cliente final sem a necessidade de trabalhos manuais. Um dos diferenciais do equipamento é sua capacidade de produzir sacolas com largura de 18 a 43 centímetros com a aplicação de alça.

Xerox expõe seus produtos para o mercado fotográfico


Nos próximos três dias São Paulo vai reunir o que há de mais moderno em impressão para fotografia. A partir de amanhã, dia 03, começa a Feira Fotografar que vai até o dia 05 de abril no Centro de Convenções Frei Caneca, em São Paulo. Este ano, a Xerox levará para o evento dois equipamentos: C70 e a Versant 180.

“A Xerox coloca toda a sua expertise em tecnologia digital a serviço do mercado fotográfico. Nossos equipamentos são conhecidos pela qualidade de impressão, com cores vivas e nitidez, permitindo aos nossos clientes oferecer produtos diferenciados para o público que busca a produção de fotolivros e álbuns de formatura. Este ano trouxemos máquinas que fazem a diferença nos negócios, garantindo novos contratos e uma atuação eficiente”, comenta Marcio Mattos, diretor executivo de Vendas e Canais da Xerox Brasil.


Canon vai com novidades para evento de fotografia



A impressora de grande formato imagePROGRAF PRO-6000 produz materiais de até 60 polegadas (152,4cm)

A Canon prepara uma série de atividades para a Fotografar 2018, maior feira do setor que acontece nos dias 3, 4 e 5 de abril no Centro de Convenções Frei Caneca, em São Paulo. 

A fabricante japonesa lançará a impressora de grande formato imagePROGRAF PRO-6000. A impressora produz materiais em grandes formatos de até 60 polegadas (152,4cm). A Canon também contará com a presença do fotógrafo de street style, Leo Faria acostumado a registrar imagens nas grandes cidades do mundo. Ele testará as impressoras Canon e terá algumas de suas fotos impressas no estande em papel da Canson.

A Canon vai expor ainda as impressoras PRO-1000, PRO-4000 e imagePRESS C650. 

“Queremos mostrar todo o investimento feito pela Canon para atender os diversos 
mercados de impressão de grande formato. Temos equipamentos que podem atender a diversos nichos. Vamos expor toda nossa experiência na feira”, diz Fabiano Peres, supervisor de revendas da Canon do Brasil, Fabiano Peres.   

A Canon também participará do Bureau Fine Art de impressão, que acontecerá pela primeira vez na feira. O espaço reunirá as empresas Canon, Dina, Hahnemühle, com o apoio da Coralis, que estarão em um ambiente expositivo para mostrar ao público como funciona um estúdio de impressão Fine Art. “É a oportunidade de conhecer como funciona na prática um estúdio de impressão e também conhecer a tecnologia e as soluções da Canon”, avisa Peres.

Nos três dias de feira, haverá palestras sobre a impressão Fine Art. A Canon irá realizar palestras nos dias 3, 4 e 5 das 17h às 18h.

quarta-feira, 28 de março de 2018

EFI promove webinar sobre impressão em papelão ondulado, embalagens e displays


Com foco na impressora EFI Nozomi C18000, no dia 18 de abril, a EFI apresenta o seminário online “A tecnologia revolucionária para o mercado de corrugado”, em que o diretor de vendas para América Latina, Ernande Ramos, apresentará a nova tecnologia da empresa para impulsionar o segmento de impressão digital em papelão ondulado, embalagens e displays para pontos de venda.

“Aos poucos, as empresas estão conhecendo o potencial de customização e decoração das embalagens produzidas com papelão ondulado. As grandes marcas já procuram por gráficas com capacidade de produzir embalagens altamente decoradas e personalizadas para criar um diferencial e agregar valor aos seus produtos. Durante a apresentação mostraremos como ser um player deste mercado com a EFI Nozomi C18000; a solução mais avançada do segmento”, disse Ramos.

Com mais de 20 anos de experiência no mercado de impressão nas áreas de gestão técnica e comercial, o executivo mostrará todas as vantagens deste equipamento de jato de tinta digital LED de passagem única que se destaca pela alta velocidade de impressão, alcançando até 7.224 m² por hora. “O mercado de corrugados como conhecemos hoje está sofrendo uma transformação muito grande, tanto na área de impressão, como produção, incluindo pré e pós-impressão. A EFI Nozomi C18000 foi desenvolvida pensando nestes aspectos para impulsionar a produtividade do produtor”, completou Ramos.

Durante a Expoprint Latin America 2018, realizada de 20 a 24 de março, os diretores Ernande Ramos e Luis Ramirez contaram um pouco sobre as soluções da EFI, veja no vídeo: https://goo.gl/3Dse8p .


Hora: 15 horas (Horário de Brasília)
Para fazer sua inscrição, clique: https://goo.gl/tBz4sG -


Na ExpoPrint, portfólio robusto e ferramentas competentes foram os portos seguros do stand da Agfa

Diretoria presente: Stefaan Vanhooren, presidente mundial da Agfa Gevaert; Fabrizio Valentini,  presidente da Agfa para a América Latina e Paulo Amaral, diretor comercial da Agfa Brasil


Com variadas soluções para diferentes segmentos, a Agfa mostrou durante o evento seu know-how diversificado. Durante coletiva de imprensa realizada no dia 20 de março, a multinacional fez questão de trazer a diretoria para enfatizar a visão plural da companhia e como o Brasil é importante. 

Vanhooren destacou o investimento contínuo - especialmente na fábrica deSuzano (SP) e a capacidade de adaptação da companhia. Um ponto relevante é que o presidente mundial acredita que a impressão offset vai continuar evoluindo. “Há muita inovação pela frente. Cada vez mais veremos processo integrados entre offset e digital com tendência clara para a tecnologia UV devido a sua facilidade de secagem”, analisa.

Ao mesmo tempo, Vanhooren aposta que a impressão digital tem capacidade de expandir mundialmente. Por isso, a Agfa possui forças equivalentes em áreas como sistemas de chapas, software e impressão de grandes formatos. “Veremos crescimento em novas aplicações. Nossos produtos e serviços estão preparados para entregar soluções completas. Há um suporte absoluto da Agfa com integração na prática”, destaca.

Entremos, portanto, na fase de conexão irrestrita. “Tudo será conectado com os softwares de workflow e as soluções na nuvem. A inovação está em nosso DNA, somos uma empresa de tecnologia há 150 anos no mercado e passamos por muitas revoluções. Nosso poder de evolução é alto”, avisa Vanhooren.

Recentemente a Agfa injetou na fábrica de Suzano 500 mil euros que entre outras melhorias trará para a planta a possibilidade de produzir a nova chapa Elite Eco. Amaral ressalta que a companhia está muito bem preparada para atender diferentes mercados: "Somos nº1 na América Latina no fornecimento de chapas offset, e acreditamos muito neste segmento, continuamente trazendo novidades para o mercado através da fábrica em Suzano, cada vez mais estratégica e na vanguarda da tecnologia do grupo, produzindo localmente os principais lançamentos da Agfa Graphics mundial e até novos produtos que daqui saem para outras plantas mundiais.”

Por meio de constantes investimentos, as chapas da Agfa estão cada vez mais robustas, rápidas e com forte apelo sustentável, como na eliminação por completo do uso de substâncias químicas e processamento. “Cito as chapas DOP (do CtP direto para a impressora) como a Azura TE; ou nas chapas de multi-propósitos e aplicações como a Azura TU e TS, chapa ‘verde’ pioneira e líder de mercado mundial”, exemplifica Amaral.

Há também as chapas de tecnologia violeta sem processamento como a N95-VCF e chapas de alta performance e tiragens com processamentos cada vez mais sustentáveis através de reduções significativas no uso de produtos químicos e recursos naturais. “Entram aqui a Energy Elite Eco que a Agfa apresenta no Brasil justamente na ExpoPrint. A Agfa foi pioneira na eliminação do uso do solvente no processo de produção das chapas de tecnologia Thermofuse e até então único provedor de chapas offset no mundo a fazê-lo”, avisa.

A Agfa Graphics está comprometida com a inovação sustentável que se concentra em ecologia, economia e extra conveniência - ou ECO3. O objetivo é desenvolver soluções mais limpas, ecológicas e econômicas que sejam mais fáceis de operar e manter, tanto para sistemas livres de substâncias químicas, como para sistemas de chapas convencionais. Enfim, somos muito mais que um provedor de chapas offset, temos um know-how tremendo em imagens e química. “Nosso DNA é de estar sempre ao alcance de nossos clientes, e o conceito de fornecedor "one stop shop" é muito perseguido pela empresa. Para reforçar isso tudo, a Agfa está com uma nova campanha de marketing em nível global que possibilita e nos diferencia da concorrência através do conceito Eco³”, informa Amaral.



terça-feira, 27 de março de 2018

Desenvolve SP participa da Feira do Empreendedor 2018


Entre 07 e 10 de abril no Pavilhão de Exposições do Anhembi, a Desenvolve SP - Agência de Desenvolvimento Paulista estará presente na Feira do Empreendedor 2018 do Sebrae-SP. 

Parceira dos pequenos e médios empresários, a instituição é uma das maiores agências de fomento do País e referência nos temas inovação, planejamento e crédito de longo prazo. 

Em nove anos de atuação são mais de R$ 2,8 bilhões desembolsados em financiamentos para o crescimento sustentável de milhares de empresas e municípios paulistas.

Com linhas de crédito pensadas para cada fase de um negócio, a Desenvolve SP trabalha com baixas taxas de juros e longos prazos. 

Em parceria com o Sebrae – SP, oferece o Programa Juro Zero Empreendedor, que financia o investimento na ampliação e modernização dos negócios de microempreendedores individuais (MEIs). 

Entre os itens financiáveis estão o capital de giro, a compra de máquinas e equipamentos, materiais de construção, veículos utilitários, softwares e hardwares, ferramentas e muitos outros. O prazo para pagamento é de até 36 meses, incluindo seis meses de carência.

Feira do Empreendedor 2018

Quando: de 7 a 10 de abril de 2018 das 10h00 às 21h00

Onde: Pavilhão de Exposições Anhembi – Av. Olavo Fontoura, 1029, São Paulo, SP

Informações: http://feiradoempreendedor.sebraesp.com.br ou 0800 570 0800

Valor: Gratuito

segunda-feira, 26 de março de 2018

Congraf desenvolve embalagem para lançamento de Páscoa da Fini


A Fini deseja surpreender os consumidores com um item personalizado e que pode ser usado como presente. Para isso, a embalagem possibilita visualizar as balas de gelatina em formato de ovinhos na cor rosa por meio de uma janela de exposição. Além disso, no verso da caixa há um divertido caça palavras para entreter e adoçar ainda mais esta data.

“A embalagem foi desenvolvida a partir da necessidade de apresentar ao mercado uma nova opção, que fosse uma alternativa além do chocolate, para presentear alguém especial na Páscoa”, explica Paula Prado, gerente de produtos da Fini.

A embalagem foi desenvolvida para apresentar e destacar os detalhes do produto, e para isso foi escolhida a aplicação de janela com visor de acetato como essencial e produzida em papelcartão duplex 265 g/m², impressa em 6 cores e com acabamento verniz brilho online, cujo visual da embalagem destaca-se no ponto de venda. Além do modelo fliptop com travamento inviolável e fundo automático.

“Escolhemos a Congraf para esse desenvolvimento porque eles possuem expertise na criação e desenvolvimento de embalagem que foge do tradicional, além de atendimento próximo e diferenciado traduzindo com maestria a nossa identidade com soluções inusitadas e surpreendentes. São nossos parceiros de longa data”, ressalta Paula.

Xerox promove a edição 2018 do Encontro de Canais


A Xerox promoveu no dia 19 de março, no Hotel Pullman Ibirapuera, em São Paulo, o Encontro de Canais 2018. O evento, que acontece anualmente, reuniu cerca de 150 representantes das revendas e distribuidores de todo o país. Com o tema “Juntos somos +”, a empresa reforçou a importância da união com seus parceiros comerciais para continuar entregando inovação e tecnologia de ponta aos clientes.

Durante o encontro, a Xerox apresentou as estratégias para o ano, perspectivas, estudos de mercado e o resultado da campanha de incentivo de 2017 que irá levar os parceiros que mais se destacaram no ano para São Francisco, na Califórnia. Uma das programações mais esperadas durante a viagem será a visita ao PARC, Centro de Pesquisa e Desenvolvimento da Xerox, em Palo Alto. A viagem acontecerá na segunda quinzena de abril e entre as empresas vencedoras estão: LSK, Office Total, Stoque e Mdat.

Os participantes também puderam acompanhar a palestra de Mauricio Vergani, Diretor Fundador da V2V, empresa especializada no desenvolvimento e capacitação da área de vendas. Vergani desenvolveu uma metodologia batizada de DNA do Vendedor, capaz de detectar as necessidades de qualquer empresa e comparar o perfil dos profissionais ao benchmark do respectivo mercado.


Gráfica Futura mostra nova identidade na ExpoPrint



Há 20 anos no mercado, a Futura Imbatível, gráfica online com foco em revendedores e designers, renasceu. Com o objetivo de acompanhar a evolução tecnológica e oferecer um serviço cada vez melhor e mais personalizado aos seus parceiros, os idealizadores e diretores da companhia viram a necessidade de mudar completamente.

"A Good To Connect se destacou em nossa concorrência por apresentar soluções que fugiam do comum na publicidade. Eles nos apresentaram melhorias em tecnologia e processos que afetam diretamente o nosso negócio. Nosso mercado de atuação é fundamentalmente ligado a tecnologia, logo, quem não se adequar às inovações tecnológicas, estará fora", afirma o gerente de operações da FuturaIM, Felipe Augusto.

A evolução da marca é incontestável. As redes sociais se tornaram um canal de comunicação importantíssimo para a Futura que, com suporte da GTC, tem investido cada vez mais nos usuários que preferem esses canais para entrar em contato. “Os processos internos sofreram mudanças para contribuir ainda mais com a agilidade em todo o fluxo de trabalho, transformando em verdade absoluta o novo slogan: "FuturaIM. Você pensa, a gente imprime.", fala Augusto.

Após R$ 50 milhões investidos, Grupo Print Laser amplia portfólio



Em 2017, o Grupo Print Laser obteve um faturamento de R$ 400 milhões e atualmente, imprime mais de 2 bilhões de páginas mensalmente, sendo 200 milhões com tecnologia digital. Agora, a expectativa é chegar à 350 milhões até o final de 2018. “Nossa meta de crescimento é dobrarmos nosso faturamento até 2020. Com as impressoras digitais vamos crescer 30% em receita já em 2018 e dobrar a nossa margem EBTIDA em relação a 2017”, afirma Aristeu Batista, Presidente do Grupo Print Laser.

Agora, o Grupo investiu na HP Indigo 12000 e a primeira HP PageWide Web Press T470 HD da América Latina. Com isso, a HP Inc. amplia sua participação no mercado de impressão digital na América Latina. Com investimento na casa de R$ 50 milhões (equipamentos de impressão e acabamento, infraestrutura, treinamento, software e contratação de novos funcionários), o Grupo Print Laser - que produz livros em impressão digital - aumenta a capacidade de atender demandas de médios e baixos volumes além de oferecer impressões personalizadas de alta qualidade, Print-On-Demand e gestão de conteúdo. 

“Muitas pessoas acreditaram que o mercado de impressão estava acabando, mas na verdade ele está se reinventando. O que vemos agora é a ascensão da impressão digital, que permite a personalização das peças e um leque de opções muito maior. O Grupo Print Laser foi um dos primeiros a perceber essa mudança, investiu em novas tecnologias e se consolidou como uma das maiores do mercado editorial da América Latina. A aquisição da HP Indigo 12000 e da HP PageWide Web Press T470 HD demonstra a visão estratégica do futuro e metas consistentes do Grupo Print Laser”, afirma Fernando Alperowitch, Diretor de HP Indigo para a América Latina.

Vendedor, você atende as necessidades do seu cliente?


Por Mário Rodrigues*

O que leva um cliente a buscar um produto? A resposta é simples: é a premissa básica de um desejo, algo tão profundo que vira um problema real e precisa ser atendido. O psicólogo norte-americano Abraham Maslow, em sua teoria “A Pirâmide da Hierarquia de Necessidades de Maslow”, criada na década de 1950, explica bem as necessidades humanas, inclusive as relacionadas ao consumo.

De acordo com ele, as necessidades das pessoas são divididas em cinco partes: fisiológicas básicas; de segurança; sociais; de autoestima; e de autorrealização. Com base nessa ordem pré-estabelecida, podemos perceber que os indivíduos são movidos a ter ações que supram os seus desejos. Ao compreender esse contexto e trazê-lo para o mundo das vendas, entendemos que os clientes vão à busca de um produto impulsionados por uma necessidade - e, geralmente, eles não têm consciência disso.

Vou exemplificar com uma necessidade social: ao entrar em uma loja esportiva, a pessoa vai atrás de um determinado tipo de tênis, olha quais são suas indicações e questiona o vendedor sobre suas funcionalidades. O “X da questão”, no entanto, não está no produto em si, mas no simples fato de que, ao tê-lo em mão, o cliente já tem a sensação de ser um atleta, de pertencer a uma tribo. Todo esse processo nada mais é que a construção de um desejo, o qual provoca uma compra.

Agora, imagine que o cliente está ansioso para satisfazer a sua necessidade e, ao chegar à loja, não encontra o modelo ou número de tênis que deseja. Qual o tamanho da decepção? O quanto isso ficará registrado em sua memória emocional? É importante entender que o nosso cérebro evita o que é negativo. Ou seja, ao não encontrar o que procura, é bem provável que a pessoa não volte ao estabelecimento, simplesmente, por não ter tido um desejo atendido.

Assim, para evitar o desapontamento do cliente, quando não tem o tênis solicitado, o bom profissional pode indicar outros produtos que atendam às reais necessidades do consumidor e, dessa forma, ajudá-lo a ingressar em sua nova e desejada tribo. Outra solução é ativar outros desejos que possam ser satisfeitos com os produtos disponíveis em estoque.  Afinal, como já dizia Adam Smith, o pai da economia moderna, “as necessidades humanas são infinitas”.

Portanto, é fundamental que haja um preparo extremo e o estabelecimento não deve se concentrar apenas na vitrine, que não pode – em hipótese nenhuma – fazer propaganda enganosa, mas, principalmente, no treinamento dos vendedores. Afinal, eles são os responsáveis por garantir o bom atendimento, por identificar qual, de fato, é a necessidade do cliente que acaba de entrar pela porta.

* Diretor do Instituto Brasileiro de Vendas (IBVendas) – www.ibvendas.com.br

terça-feira, 13 de março de 2018

FIA lança pós-graduação para fortalecer o setor de pequenas e médias empresas


Curso é o primeiro do mercado totalmente dedicado a dirigentes e sucessores e está com inscrições abertas para a próxima turma até dia 15 de março

A FIA Business School (Fundação Instituto de Administração) lança o curso de pós-graduação Administração para Pequenas e Médias Empresas. Trata-se do primeiro curso desenvolvido com exclusividade para dirigentes e sucessores de pequenas e médias empresas familiares. E pensando exatamente no perfil desse público, a FIA programou duas aulas mensais, às quintas-feiras e sextas-feiras, o que possibilita também a adesão de interessados nos demais estados brasileiros, pois o curso é ministrado em São Paulo.

A proposta da nova pós-graduação é oferecer, aos empreendedores, proprietários e herdeiros, ferramentas, conceitos e experiências que os ajudem a melhorar suas habilidades gerenciais, contribuindo para uma tomada de decisão mais precisa e estratégica para o negócio. A metodologia é exclusiva da FIA e será aplicada com o apoio de um corpo docente especializado e com profunda vivência no segmento de micro, pequenas e médias empresas.

A expectativa é propiciar um ambiente em que os participantes se sintam fortalecidos e aptos a tomarem decisões que possibilitem o aumento da competitividade, consolidação e crescimento da empresa.

Serviço

Curso: Pós-graduação Administração para Pequenas e Médias Empresas

Investimento: R$ 856,00 na matrícula e 33 parcelas de R$ 856,00 (parcela corrigida pelo 
IGPM a partir das 12ª e 24ª)

Carga horária: 2 aulas mensais, das 08h30 às 17h30

Link para o curso: http://proced.fia.com.br/pospme/

segunda-feira, 12 de março de 2018

O poder de diferenciação da impressão digital trouxe premiação para a Ampla


O Diretor de Operações, Sidnei Marques, e o Diretor de Negócios, Ricardo Lie, que seguram o troféu,  e a equipe da Ampla que recebeu o Prêmio Lançamentos Fimec 2018 na categoria Inovação/ Foto: Alisson Brum

A Ampla,  fabricante brasileira de impressoras digitais, conquistou o Prêmio Lançamentos Fimec 2018 – premiação do setor coureiro-calçadista do país - na categoria “Inovação”. O objetivo da premiação, que está em sua 15ª edição, é reconhecer e valorizar o trabalho da indústria de máquinas, couros e componentes que leva inovação, criatividade, tecnologia e espírito de empreendedorismo ao setor coureiro-calçadista. 

O Prêmio Lançamentos Fimec 2018 foi alcançado pela impressora New Targa XT que está apta a imprimir diferentes substratos. "Estamos muito orgulhosos e felizes com esta conquista, pois é cada vez maior a valorização do segmento de moda pela customização e/ou personalização de peças únicas e exclusivas e o reconhecimento do setor, nos concedendo o Prêmio Lançamentos Fimec 2018, comprova que estamos no caminho certo para entregar ao setor coureiro-calçadista impressoras digitais equipadas com a mais moderna tecnologia global aplicada para atender a esta demanda", comemora Ricardo Augusto Lie, diretor de Negócios da Ampla.

De acordo com a Ampla, a New Targa XT possibilita a impressão de uma única peça ou de centenas de milhares de produtos com custos estáveis e lineares. Imprime utilizando tecnologia jato de tinta, uma técnica de impressão sem contato, permitindo ao equipamento imprimir em diversos tipos de substratos amplamente utilizados na indústria calçadista, como laminados sintéticos, couro e filmes termoaderentes. O arquivo de imagem digital é impresso diretamente sobre o substrato desejado, com uma alta qualidade de resolução real de até 1200dpis, o que permite a reprodução de imagens fotográficas e infinitos padrões gráficos a partir da combinação das quatro cores básicas de processo: Cyan, Magenta, Amarelo, Preto.

O equipamento, diz a Ampla, não necessita de preparação e formulação de tintas especiais, pois seu sistema de gerenciamento de cores permite manter a fidelidade dos padrões e imagens, oferecendo versatilidade à produção e permitindo a troca de padrões de impressão ou de tipo de substrato a qualquer tempo sem a necessidade de setup. O sistema da impressoras consegue interpretar e processar diferentes arquivos como: TIFF, JPG, PS, EPS e PDF. 

Amplo portfólio e inovação sustentável serão motes da Agfa na ExpoPrint


Exatamente por possuir soluções para os mais diversos segmentos da indústria de impressão, com presença especial em chapas offset (a empresa possui fábrica no Brasil), a Agfa vai com força total para a ExpoPrint. A companhia mostrará o amplo portfólio que compreende softwares, CtP, tinta, químicos, impressoras de grande formato, mesa de corte entre outros. 
“A Agfa entende que a ExpoPrint é a maior e mais importante feira de impressão das Américas, oportunidade única de apresentar tendências da indústria a um público imenso e qualificado de profissionais do setor oriundos de todas as regiões deste país, mas também sempre muito forte em atrair empresários de diferentes países da região”, fala Paulo Amaral, diretor comercial da Agfa Graphics no Brasil.

Na visão de Amaral, o evento, que sempre vem intercalado com a maior feira da indústria no mundo, a drupa, serve para consolidar algumas tecnologias: “Especificamente para a Agfa é uma oportunidade na qual podemos ajudar e entregar essas tendências já testadas e materializadas por meio de soluções inovadoras para clientes e parceiros”, analisa Amaral acrescentando que o mercado offset no Brasil - e no mundo - continua imenso e muito consolidado. “É claro que há tecnologias complementares como por exemplo a da impressão digital inkjet e a flexográfica, entre outras que vêm crescendo bastante, mas podemos esperar uma vida longa para a impressão offset”, aponta.

O diretor comercial da Agfa Graphics no Brasil ressalta que a companhia está muito bem preparada para atender diferentes mercados: "Somos nº1 na América Latina no fornecimento de chapas offset, e acreditamos muito neste segmento, continuamente trazendo novidades para o mercado através da fábrica em Suzano, cada vez mais estratégica e na vanguarda da tecnologia do grupo, produzindo localmente os principais lançamentos da Agfa Graphics mundial e até novos produtos que daqui saem para outras plantas mundiais.”

Por meio de constantes investimentos, as chapas da Agfa estão cada vez mais robustas, rápidas e com forte apelo sustentável, como na eliminação por completo do uso de substâncias químicas e processamento. “Cito as chapas DOP (do CtP direto para a impressora) como a Azura TE; ou nas chapas de multi-propósitos e aplicações como a Azura TU e TS, chapa ‘verde’ pioneira e líder de mercado mundial”, exemplifica Amaral.

Há também as chapas de tecnologia violeta sem processamento como a N95-VCF e chapas de alta performance e tiragens com processamentos cada vez mais sustentáveis através de reduções significativas no uso de produtos químicos e recursos naturais. “Entram aqui a Energy Elite Eco que a Agfa apresenta no Brasil justamente na ExpoPrint. A Agfa foi pioneira na eliminação do uso do solvente no processo de produção das chapas de tecnologia Thermofuse e até então único provedor de chapas offset no mundo a fazê-lo”, avisa.

“Nosso DNA é de estar sempre ao alcance de nossos clientes, e o conceito de fornecedor "one stop shop" é muito perseguido pela empresa. Para reforçar isso tudo, a Agfa está com uma nova campanha de marketing em nível global que possibilita e nos diferencia da concorrência através do conceito Eco³. A Agfa Graphics está comprometida com a inovação sustentável que se concentra em ecologia, economia e extra conveniência - ou ECO3. O objetivo é desenvolver soluções mais limpas, ecológicas e econômicas que sejam mais fáceis de operar e manter, tanto para sistemas livres de substâncias químicas, como para sistemas de chapas convencionais. Enfim, somos muito mais que um provedor de chapas offset, temos um know-how tremendo em imagens e química”, reforça Amaral.

Plano Nacional de Educação prevê que até 2020 todas as escolas públicas tenham biblioteca


Publicado por Rodrigo Resende - Rádio Senado

O Plano Nacional de Educação aprovado em 2010 prevê que todas as escolas públicas do país tenham biblioteca até 2020. Mas de acordo com o Censo Escolar de 2017, metade das escolas dos anos iniciais do ensino fundamental ainda não contam uma biblioteca.

Um projeto em discussão no Senado (PLC 28/2012) quer garantir parâmetros mínimos para as bibliotecas escolares.

A senadora Ângela Portela (PDT-RR), ressalta que muitos estudantes só tem contato com livros na biblioteca escolar e, por isso, o espaço deve ser atraente.

terça-feira, 6 de março de 2018

Congraf embala o Ovo Dreams Petit Gateau Luan Santana da Cacau Show


Esse ano, a Cacau Show desenvolveu internamente uma embalagem com a imagem do cantor, que é muito admirado e tem alta popularidade no cenário musical atual. “A ideia é que os fãs do Luan Santana possam presentear e serem presenteados com um Ovo Edição Especial do seu ídolo. A embalagem foi pensada para eles e possui códigos visuais que com certeza os fãs do cantor vão adorar”, ressalta Rafael Altavista Jr, Gerente de Criação da Cacau Show.



Para transmitir essa sensação de embalagem presenteável, a Congraf produziu o Ovo Dreams Petit Gateau do Luan Santana em cartão triplex 310g em 5 cores, com acabamento de decoração em verniz fosco online e verniz UV localizado. “Como não poderíamos correr riscos por conta do prazo, procurar o atendimento da Congraf foi a melhor solução. A fabricante de embalagens já nos atende há bastante tempo e temos confiança no atendimento e trabalho que nos é proporcionado”, explica o gerente.

A Congraf produziu o lote de caixas em tempo recorde de quatro dias, para atender a necessidade do cliente.


De acordo com a IDC, Ricoh lidera o mercado brasileiro de outsourcing de impressão


A International Data Corporation (IDC) apontou em recente levantamento a Ricoh como fabricante líder no mercado brasileiro de outsourcing de impressão no primeiro semestre de 2017. 

A empresa ficou em 1° lugar no Faturamento Total dos Serviços, com 22% do mercado e também conquistou a primeira posição em MPS (Serviços de Impressão Gerenciados), ao estar presente em 25% das compras do segmento.

Segundo Alejandro Tomás, country manager da Ricoh Brasil, o reconhecimento é fruto dos esforços da empresa na solidificação e ampliação das suas ofertas de impressão, responsáveis por uma parte relevante do faturamento. 

“Esse resultado mostra que a Ricoh reúne o melhor da tradição, por estar há muitos anos no mercado, com a atualização tecnológica. Solidez e inovação são nossos principais diferenciais”, afirma Tomás.

Dentre os critérios que são avaliados dentro do MPS estão uma série de processos como capacidade logística, gerenciamento da base instalada de hardware, sistemas de gerenciamento de documentos (workflow), customização de soluções para os diferentes perfis de clientes, entre outros.

“Procuramos trazer o que há de mais novo e completo para atender o mercado, essas ferramentas desempenham funções que exigem boa performance”, salienta Alejandro, que finaliza “seguiremos apostando nesse setor e também na expansão das ofertas que atendam às mais variadas demandas de TI, visando entregar um portfólio cada vez mais robusto aos nossos clientes”.

segunda-feira, 5 de março de 2018

Prefeitura de São Paulo recebe doação de mais de 5 mil livros da AlphaGraphics


No dia 27 de fevereiro, a AlphaGraphics realizou a entrega dos livros que prometeu doar à Prefeitura de São Paulo. Em uma ação que reuniu todas as unidades franqueadas da rede, parceiros, colaboradores e clientes, a empresa arrecadou 5.189 volumes, desde livros didáticos, literaturas clássicas, romances, entre outros. Alguns títulos foram retirados da biblioteca corporativa da AlphaGraphics, além da coleção pessoal do Rodrigo Abreu, sócio-presidente da empresa.

"Estaremos sempre que for possível envolvidos em projetos que têm como foco principal a expansão e a melhoria da qualidade da educação", fala Rodrigo Abreu, sócio-presidente da AlphaGraphics 

A ação da AlphaGraphics atende ao pedido do prefeito João Dória, feito no ano passado à iniciativa privada, para a doação de materiais que serão destinados à rede municipal de educação, bibliotecas públicas e centros culturais da cidade. Na ocasião, a empresa se comprometeu a juntar 5 mil livros. "É muito gratificante poder dar nossa contribuição à melhoria da educação do nosso país. A leitura é uma das maneiras mais eficazes de adquirir conhecimentos e melhorar o desenvolvimento pessoal, profissional e acadêmico", considera Abreu.



Henkel promove webinars sobre regulações para embalagens seguras de alimentos


A Henkel realizará no dia 13 de março, às 11 horas, o webinar “Declaração de Contato com Alimento – como ler e aplicar”. Ministrado por Sabrina Nonato, responsável por Assuntos Regulatórios e Segurança para a área de Adesivos Industriais da Henkel, o seminário online será gratuito e terá duração de uma hora.

Neste webinar interativo, Sabrina tratará das declarações de contato com alimentos para 
adesivos como uma ferramenta de comunicação para avaliação de risco dentro da cadeia de suprimentos. O evento será promovido por meio plataforma digital da Henkel que fornece materiais referentes a Food Safe Packaging e um calendário de novos webinars ministrados em inglês, português e espanhol, com especialistas no tema.

Ao longo de 2018, a Henkel programa a realização de mais nove webinars em português dedicados a discutir Food Safe Packaging. Os interessados em participar podem se inscrever aqui: www.packaging.henkel-adhesives.com/webinars.

Suzano Papel e Celulose concluiu a compra da Facepa


A Suzano comprou a Fábrica de Papel da Amazônia S.A. (Facepa), empresa que opera fábricas em Belém (PA) e Fortaleza (CE). Com a aquisição, a Suzano torna-se a terceira maior fabricante de papéis sanitários do Brasil, com posição de destaque nas regiões Norte e Nordeste. Além das unidades da Facepa, a empresa opera fábricas em Mucuri (BA) e em Imperatriz (MA).

“Queremos ser líderes de mercado nas regiões Nordeste e Norte até o final deste ano. Para isso, ampliaremos a oferta local de produtos de alta qualidade e estaremos ainda mais próximos dos nossos clientes”, afirma Fabio Prado, diretor executivo de Bens de Consumo da Suzano Papel e Celulose.

Anunciada em dezembro de 2017 e concretizada a partir de 1º de março, a incorporação da Facepa reunirá a marca de papéis higiênicos Max Pure, desenvolvida pela Suzano, com linhas de produto de marcas como Le Blanc e Floral, da Facepa, que ainda conta em seu portfólio de papéis sanitários com guardanapos e toalhas de papel. Somadas Suzano e Facepa, a capacidade instalada nas quatro fábricas é de aproximadamente 170 mil toneladas anuais de papéis sanitários.

Para se tornar uma das maiores fabricantes desse mercado no Brasil, a Suzano investiu aproximadamente R$ 850 milhões na construção de duas fábricas e na aquisição da Facepa. Foram destinados R$ 540 milhões às unidades de Mucuri e Imperatriz e aproximadamente R$ 310 milhões na compra da Facepa. Nas unidades da Bahia e do Maranhão, a produção de 120 mil toneladas anuais é dividida entre produto acabado e papéis comercializados no formato “jumbo rolls” (rolo jumbo).

Essa aquisição está alinhada aos objetivos da Suzano de expandir suas atividades para os mercados de produtos adjacentes à celulose, ampliar as operações de sua nova unidade de negócios de Bens de Consumo e garantir uma melhor oferta de produtos nas regiões Nordeste e Norte, de forma a ficar anda mais próxima ao consumidor final.

Antes do início da produção da Suzano nas fábricas de Mucuri e Imperatriz, a demanda regional por papéis sanitários, também conhecidos como tissue, era atendida apenas por fabricantes instalados no Sudeste e no Sul do País ou por empresas locais. A partir da união entre Suzano e Facepa, aprovada sem ressalvas pelo Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade), a qualidade dos serviços prestados nessas regiões passará a ser mais favorável aos consumidores.

Canon vai apresentar a Océ Arizona na ExpoPrint Latin America 2018


A Canon do Brasil mostrará um amplo leque de produtos voltados ao setor gráfico para a ExpoPrint Latin America 2018. O principal lançamento será a impressora de grande formato Océ Colorado 1640: impressora rolo a rolo de 64" com a nova tecnologia UVgel.  

Além desse lançamento, a Canon também irá expor em seu estande as impressoras ImagePRESS 650, imagePRESS C10000VP, PRO-2000 e DP LINE 140. O estande da Canon ainda terá álbuns de fotografia, fotos, imagens em Fine Art, entre outras aplicações. 

“A ExpoPrint é uma das maiores feiras do setor de impressão digital. A Canon quer mostrar as novidades que serão oferecidas em 2018 e os investimentos feitos para atender todo o mercado gráfico”, afirma Manoel Valente, supervisor de vendas da linha PPS e DGS da Canon do Brasil.  


De acordo com a Canon, a Océ Colorado 1640 foi projetada para garantir que os clientes trabalhem facilmente com altos volumes de impressão. O carregamento de mídia, diz a fabricante, é totalmente automatizado. “Levaremos este e outros equipamentos que atendem aos mais variados públicos. Entendemos que a ExpoPrint é uma ótima oportunidade para trocar ideias, apresentar os produtos que serão oferecidos em 2018 e conhecer as demandas dos clientes e parceiros”, finaliza Valente. 

Furnax apresenta soluções completas para processos produtivos na ExpoPrint 2018

Komori GL37 H-UV produz em formato A1 e oferece 640 x 940 mm

O Grupo Furnax estará na ExpoPrint Latin America 2018 com uma linha de equipamentos para impressão offset e acabamento, além de máquina para produção de sacolas de papel. Um dos destaques do estande será a impressora offset Komori GL37 H-UV que produz em formato A1 e oferece 640 x 940 mm. O equipamento atende às exigências dos segmentos editorial, promocional, embalagens e web-to-print rodando até 16 páginas por folha. 

Durante o evento, serão realizadas apresentações do equipamento em diversos substratos.
A Furnax apresentará também a Corte e Vinco Automática SBL. O equipamentos é capaz de cortar, vincar, destacar e fazer relevo em diversos tipos de materiais sem modificações ou acessórios adicionais. Além da Laminadora de BOPP Automática que conta com um novo sistema de pré-aquecimento por indução, permitindo que o equipamento esteja pronto para rodar os trabalhos em apenas 90 segundos garante a Furnax. 

Outro destaque será o equipamento automático para produção de Sacolas de Papel que executa todo o processo de acabamento da sacola impressa em folha, aplicando alça, fechando a sanfona, dobrando e colando o fundo automaticamente, além disso, ela realiza vincos longitudinais e transversais, deixando o produto pronto para o cliente final sem a necessidade de trabalhos manuais. Um dos diferenciais do equipamento é sua capacidade de produzir sacolas com largura de 18 a 43 centímetros.

De acordo com o Caio Nakagawa, gerente geral da Furnax, a feira é a oportunidade ideal para reunir clientes de todo o Brasil que poderão conferir as novidades da feira e também a estrutura da empresa em seu centro logístico localizado em Araçariguama – SP, “Na edição comemoramos novas parcerias e nossos 20 anos no mercado. Este ano a Furnax irá se consolidar como o maior fornecedor da indústria gráfica brasileira graças ao nosso amplo e completo portfólio”, comenta Nakagawa.

segunda-feira, 19 de fevereiro de 2018

Prazo extra: editores ganham mais tempo para entregar respostas da Pesquisa Fipe


Foi estendido o prazo para a entrega do questionário da Pesquisa Produção e Vendas do Setor Editorial Brasileiro ano-base 2017. 

As editoras terão até o dia 02 de março para participar do diagnóstico sobre a produção editorial brasileira realizado anualmente pela Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas (Fipe), a pedido da Câmara Brasileira do Livro (CBL) e do Sindicato Nacional dos Editores de Livros (SNEL).

Até o momento, mais de 90 editoras já responderam ao questionário da pesquisa.  

Qualquer dúvida, a editora deve entrar em contato com Mariana Bueno, preferencialmente pelo e-mail cbl-snel@fipe.org.br, ou pelo telefone (11) 3091-5823, entre 14h e 18h.

quarta-feira, 7 de fevereiro de 2018

Henkel anuncia Manuel Macedo como novo Presidente para América Latina

A Henkel acaba de nomear Manuel Macedo como Presidente da companhia para a região da América Latina.  O novo cargo do executivo português será adicional às funções atuais de Presidente da Henkel no Brasil e vice-presidente da unidade de negócios de Adhesive Technologies para América do Sul. 

Macedo iniciou sua trajetória na Henkel em Portugal, no ano de 1994 na área de Laundry & Home Care. Em 2003, foi expatriado para o México, onde assumiu a unidade de Adesivos de Consumo. Nos anos seguintes, comandou a unidade de Adesivos no Chile, onde também atuou como CEO. Desde 2012, Manuel está no Brasil. No País, Manuel assumiu a vice-presidência de Adesivos de Consumo e desde outubro de 2015, é presidente da Henkel no Brasil. 


Formado em Administração de Negócios na Universidade Técnica de Lisboa, com MBA em Estratégia Industrial, Manuel é fluente em cinco idiomas e acumula vivência em nove países diferentes. “Estou muito honrado em assumir o desafio de liderança da Henkel na América Latina. A região é foco de crescimento da empresa e tem um potencial de expansão significativo”, declara Manuel Macedo.

Sun Chemical e DIC Corporation adquirem a Luminescence Holdings Ltd.

A Sun Chemical e sua empresa matriz, DIC Corporation, adquiriram a Luminescence Holdings Ltd., um fabricante de tintas para moedas, selo de autenticidade, passaportes, cartões de identidade, documentos de segurança e tintas de proteção de marca para o mercado de impressos de segurança.


Com a aquisição da empresa, que possui sua sede no Reino Unido, a Sun Chemical aumentará sua participação no mercado de impressos de segurança. Combinando o portfólio de produtos da Luminescence com o alcance da Sun Chemical, os clientes se beneficiarão com um fornecedor verdadeiramente global. A aquisição cria uma plataforma de crescimento para a Sun Chemical no mercado de tintas de segurança no valor de US$ 2,7 bilhões.  "A Luminescence tem uma reputação fantástica no mercado de impressos de segurança nos quesitos de tecnologia e serviços", disse Felipe Mellado, Chief Marketing Officer da Sun Chemical. "A Sun Chemical possui as maiores capacidades para Pesquisa & Desenvolvimento do mundo no mercado de tintas. O que estas duas empresas reúnem tem como resultado um fornecedor global verdadeiramente interessante, que irá fortalecer ainda mais nosso serviço aos clientes“.

Suzano Papel e Celulose anuncia acordo para comprar madeira e terras da Duratex em São Paulo

A Suzano Papel e Celulose anuncia a assinatura de um acordo de aquisição de madeira e terras pertencentes à Duratex no estado de São Paulo. O Contrato de Compra e Venda de Ativos Florestais, de Compromisso de Compra e Venda de Imóveis Rurais e de Opção de Compra envolve, inicialmente, a compra de 9.500 hectares de áreas rurais e 1.200.000 m³ de florestas existentes na central do estado de São Paulo. A transação está estimada em R$ 308,1 milhões.

Na mesma negociação, foi formalizada uma opção de compra, a favor da Suzano, de mais aproximadamente 20.000 hectares de áreas rurais e 5.600.000 m³ de ativos florestais, em uma operação avaliada em R$ 749,4 milhões. A opção de compra pode ser exercida de forma exclusiva pela Suzano até 2 de julho de 2018.

“Essa aquisição nos permite reduzir o raio médio da área que abastece a Unidade Limeira (SP) e, ao mesmo tempo, pode sustentar um potencial projeto de expansão de produção de celulose em São Paulo”, explica Walter Schalka, Presidente da Suzano Papel e Celulose. 

Com a operação, a Suzano amplia a sólida base florestal que possui na região central do estado de São Paulo, esta já composta atualmente por um excedente de 61.000 hectares.
A conclusão da operação está sujeita a determinadas condições usuais para este tipo de 
acordo, incluindo a aprovação pelo Conselho